Archive for the 'Uncategorized' Category



Maior atualização do Windows 10 chega em Outubro

Fonte: Softpedia

A Microsoft já está a planear o lançamento da próxima grande atualização do Windows 10. O processo deverá começar em Outubro e, ao contrário de atualizações anteriores, esta não terá o seu principal foco em questões de segurança.
De acordo com a Tech Radar, incidirá principalmente na melhoria e estabilização do sistema operativo. 
As melhorias estarão integradas na Redstone, uma atualização que também poderá trazer mais recursos, possivelmente deixados fora do Windows 10 a fim de ser possível cumprir o prazo de lançamento.
O curto período entre o lançamento do Windows 10 a 29 de julho e a seguinte atualização do sistema operativo, deverá permitir que Microsoft consiga corrigir rapidamente eventuais problemas de desempenho.
A Redstone estará disponível no mercado a partir do próximo ano.

Empresas de telecomunicações apostam em alternativa ao cartão SIM

Algumas empresas na área das telecomunicações estão a trabalhar na criação de uma alternativa ao cartão SIM.
O objetivo da iniciativa é passar a permitir ao utilizador que troque de operador de forma instantânea, acabando definitivamente com o tradicional cartão.
Este dará lugar ao E-SIM, um cartão fixo no telemóvel, pelo que, ao contrário do tradicional, não estará acessível ao utilizador e não terá, de antemão, associação a qualquer rede móvel.
De acordo com a Exame Informática, apesar de reconhecida a dificuldade de implementação devido à elevada disseminação do SIM, as operadoras apoiam a criação do E-SIM.
De entre os nomes mais populares desta iniciativa destacam-se a Apple e a Samsung, com a cooperação da GSMA, empresa gestora do sistema telefónico GSM.

Extinção de tarifas de roaming dentro da UE acontecerá dentro de dois anos

Fonte: omicrono.com

Depois do dia 15 de Junho de 2017, não terá mais preocupações monetárias com as comunicações em viagem dentro da União Europeia. É o que revela a informação comunicada pelo Parlamento, Comissão e Conselho Europeu numa nota de imprensa. As três instituições chegaram, portanto, a acordo quanto ao fim das taxas de roaming cobradas sempre que um cidadão se encontra num país estrangeiro dentro dos limites da União Europeia.
Desta forma, dentro de dois anos, será possível utilizar serviços de telecomunicações em todos os Estados-Membros, pagando o valor exercido no país de origem. No entanto, de acordo com a Sapo, o uso abusivo desta supressão de gastos foi tida em conta pela Comissão Europeia, sendo que será estabelecido um limite de utilização quando o cidadão se encontra no estrangeiro. Ao ser ultrapassado, será cobrada uma pequena taxa.
A instituição informa ainda que no próximo ano haverá já uma redução nos valores máximos de roaming sendo que, este verão, se manterão em 19 cêntimos por minuto, 6 cêntimos por SMS e 20 cêntimos por megabyte de dados móveis de Internet, juntando a estes a taxa de IVA.
No acordo estabelecido entre as instituições europeias foram também definidas as primeiras linhas para neutralizar a Internet na Europa, ou seja, abolir o bloqueio de conteúdos online, aplicações ou serviços, promovendo uma Internet aberta e de livre acesso a todos os europeus.

Gmail já tem opção para anular envio de mensagens

Fonte: entraremail.com.br

O Gmail tem agora uma nova funcionalidade disponível para os utilizadores: chama-se Undo Send e permite anular o envio indesejado de uma mensagem, noticia o Público.
Esta ferramenta, quando ativada, dá a possibilidade de cancelar o envio de um e-mail de acordo com uma janela de tempo com variação entre 10 e 30 segundos após a mensagem ser enviada.
Apesar de estar desativada por defeito, esta funcionalidade pode ser ativada procurando “Ativar o cancelamento de envio” nas Definições do Gmail. No caso de utilizar a versão Labs, esta opção estará ativa desde o início da utilização.
Para além de disponível na web, a opção Undo Send está também disponível na nova aplicação do Google para smartphone e tablet, a Inbox.

WebAssembly, a norma que promete uma maior eficácia da Internet

Fonte: nextinpact.com

A Apple, a Microsoft, a Google e a Mozilla estão a trabalhar numa parceria com o objetivo de tornar mais rápida a experiência de navegar na Internet, noticia o CNet.
O projeto chama-se WebAssembly e foi revelado na passada quarta-feira, após meses de segredo por parte da equipa de engenheiros responsável.
Com o WebAssembly, esta parceria improvável pretende juntar o alcance incomparável da Web com a velocidade do software, correndo de forma espontânea em sistemas operacionais diversos, como o iOS da Apple, o Microsoft Windows e o Android da Google.
O projeto é resultado da unificação de dois grupos – um proveniente da equipa do Mozilla Firefox, suportado pela Microsoft; o outro proveniente da equipa do Google Chrome que, outrora, defenderam ideias opostas.
Unem-se agora na criação de uma norma que deverá servir de referência para as aplicações e serviços baseados na Internet, sendo também uma alternativa de alto desempenho ao Javascript, linguagem de programação usada atualmente. Assim, o utilizador poderá usufruir de uma navegação mais eficiente; para além de mais rápida, facilitará algumas experiências, nomeadamente o carregamento de aplicações como o Google Photos.

Projeto português liga parques de estacionamento através de aplicação móvel

Fonte: richardsilver.co.uk

O projeto Carcode, criado por um consórcio de empresas e instituições de investigação portuguesas, lançará em breve uma aplicação para busca de estacionamentos de automóveis, noticia a Exame Informática.
Deverá chamar-se “app City Parking” e, através do telemóvel, o condutor poderá encontrar o lugar de estacionamento vazio mais próximo da sua localização. A ideia foi apresentada no início deste mês por Hélio Silva, responsável pelo projeto, durante o workshop Redes de Veículos nas Cidades do Futuro, em Castelo Branco.
A aplicação encontra-se ainda em fase de protótipo, pelo que deverá ser lançada apenas daqui a quatro meses. Por enquanto, de acordo com Hélio Silva, a City Parking funciona apenas com quatro parques subterrâneos de Castelo Branco que aderiram à iniciativa. No entanto, num futuro próximo, o responsável considera que qualquer parque gerido eletronicamente poderá integrar a aplicação, sendo que esta funcionará com base na informação fornecida por repositórios de dados de gestão dos parques de estacionamento.
Apesar de se pretender inserir a aplicação no mercado através de telemóveis, o Carcode não descarta a hipótese de os automóveis passarem a integrar um botão que ative a busca de lugares de estacionamento nos seus próprios sistemas de navegação.
Tanto o preço da aplicação como o seu modelo de negócio ainda não foram definidos pelo consórcio.

Microsoft prepara serviço universal de Internet Wi-Fi

Fonte: Tudodetech.com

A Microsoft está a trabalhar num serviço universal que permita o acesso livre e em qualquer lugar à Internet WiFi.
Chama-se Microsoft WiFi e a empresa pretende com ele facilitar o “acesso à Internet sem complicações no mundo inteiro” através de uma conexão automática do utilizador a hotspots públicos e gratuitos. A notícia foi avançada por um representante da Microsoft que afirma que serão partilhados mais detalhes assim que estiverem disponíveis.
Tal como a maioria das iniciativas atuais da Microsoft, a aplicação Microsoft WiFi terá como base o cruzamento de plataformas num serviço que embora não deva ser gratuito, funcionará em iOS, Android, OS X e Windows.
De acordo com o Venturebeat, esta ideia não passa por se igualar aos atuais sistemas de hotspots públicos, uma vez que terá um público-alvo consideravelmente mais alargado, com 10 milhões de hotspots Wi-Fi em 130 países.

Google lança sistema operativo para tornar objetos inteligentes

Fonte: The Verge

O Google anunciou recentemente a criação de um novo sistema operativo. Mas este não é um browser qualquer. Com o Brillo, assim se chamará, a empresa pretende equipar todos os dispositivos existentes com inteligência artificial e ligá-los em rede num mundo de equipamentos inteligentes. Neste leque estão incluídos tanto eletrodomésticos como objetos simples, tais como portas, janelas ou fogões.
De forma mais explícita, pode dizer-se que o Brillo não é mais do que uma versão simplificada do sistema Android, dando a possibilidade de criar ligações de Internet sem fios e de Bluetooth entre os aparelhos que o utilizarem.
De acordo com o vice-presidente da Google, Sundar Pichai, a ideia é transformar as experiências dos utilizadores através da ligação dos aparelhos físicos à Internet de forma inteligente. Assim, será possível regular a temperatura de um espaço ou desligar o fogão quando a comida estiver pronta.

De acordo com o Público, será no terceiro trimestre deste ano que o sistema vai estar disponível, embora apenas ainda numa versão preliminar.

Startups internacionais criam cartões inteligentes

São simples cartões, tal como os utilizados no Multibanco. No entanto, nos cartões inteligentes em que algumas startups internacionais têm vindo a apostar, poderão ser incorporados dados de outros cartões de crédito, débito ou até mesmo de fidelização de marcas e acumulação de milhas. Estes objetos permitem, através de uma ligação Bluetooth, replicar o funcionamento dos mesmos o que, de acordo com o Cnet, oferece conveniência e segurança ao utilizador.
A Coin e a Stratos são algumas das empresas que operam neste mercado e que, embora não prevejam ainda datas de entrega dos primeiros cartões, já estão a aceitar pré-reservas. No entanto e por agora, as empresas estão ainda a verificar os mecanismos de segurança, que passam por validar a identificação do utilizador através de um código PIN.
No pacote de venda destes cartões estará incluído um leitor de bandas magnéticas que possibilitará o carregamento de dados dos antigos cartões.
À semelhança dos correntes cartões de crédito e débito, os cartões inteligentes poderão ser usados nas caixas ATM atuais.

Academia Militar e Politécnico de Beja assinam protocolo de segurança

StarNetTelecom

Entra hoje em vigor um protocolo de cooperação para as áreas da cibersegurança e da ciberdefesa.
O protocolo será assinado no decorrer do SimSic 2015 (Simpósio de Segurança Informática de 2015) pela Academia Militar e pelo Politécnico de Beja com o principal objetivo de promover a segurança da cloud e no big data (dados recolhidos em diferentes fontes que depois são cruzados).
Segundo a Exame Informática, o Simpósio decorre hoje no Instituto Politécnico de Beja. O tema deste ano é “Todos os Dados”, sendo que o SimSic 2015 será dividido em sessões dedicadas tanto à Tecnologia como ao Direito, contando também com profissionais da cibersegurança.
De acordo com Rui Silva, coordenador do laboratório de segurança informática UbiNet e responsável pela organização do evento, a segurança do big data é um “grande desafio” por permitir “conhecer ao detalhe os perfis das pessoas. O que pode ter efeito em coisas tão simples como na escolha de um candidato a um emprego”.


mediadetails no Twitter

Páginas

Julho 2020
S T Q Q S S D
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031