E-commerce: DECO e ADC temem que nova proposta da UE seja prejudicial

getyouonline-ecommerce2

Fonte: wuelto.com

A Associação da Defesa do Consumidor afirma que as novas propostas da Comissão Europeia para estimular o comércio eletrónico poderão comprometer os direitos dos consumidores.

Através da ideia de criação de um Mercado Único Digital, a CE pretende alterar a forma como os utilizadores adquirem bens digitais e físicos através de lojas online. Desta forma, as liberdades do mercado único da União Europeia deverão abranger o universo digital e as garantias dos produtos comercializados deverão também ser revistas.
Perante esta nova proposta, a Associação da Defesa do Consumidor considera que o direito de reparação e substituição de um produto adquirido online será mais restrito, criando diferentes garantias entre as compras feitas online e em lojas físicas.
De acordo a Sapo Tek, a DECO acredita que esta questão fará com que haja um retrocesso nos direitos dos consumidores. A entidade considera que estas medidas irão desincentivar a utilização do comércio eletrónico, ao contrário do que deveria ser a tendência.

0 Responses to “E-commerce: DECO e ADC temem que nova proposta da UE seja prejudicial”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s




mediadetails no Twitter

Páginas

Dezembro 2015
S T Q Q S S D
« Nov   Nov »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

%d bloggers like this: