Arquivo de Março, 2013

Uma aplicação para quem tem mobilidade reduzida

Chama-se Portugal Acessível Mobile e é uma nova aplicação gratuita que reúne informações sobre as condições de acessibilidade de cerca de 3500 espaços em todo o país, promovendo e melhorando a qualidade de vida das pessoas com deficiências motoras.

O projeto é pioneiro em Portugal e foi lançado pela Associação Salvador em parceria com a Fundação PT e a Microsoft e, é a versão móvel do site existente, que já se encontra disponível para iPhone e Android. Através desta plataforma o utilizador poderá pesquisar os locais com condições de acessibilidade em determinados distritos ou concelhos e saber quais os restaurantes com casas de banho adaptadas, farmácias com rampas para a entrada de cadeiras de rodas, praias acessíveis para deficientes motores entre muitas outras informações que são fornecidas por voluntários da associação que, de norte a sul do país vão recolhendo dados de modo a manterá a aplicação atualizada.

A plataforma já tem tradução para inglês e alemão, pretendendo assim fomentar a promoção de um turismo acessível a pessoas com deficiência. Brevemente terá também incorporada, a função de pesquisa de itinerários turísticos.

Juliana Melim

Preservativos do futuro

Existem há cerca de 400 anos e são usados por cerca de 750 milhões de pessoas em todo o mundo. São baratos e eficazes na prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e como método contracetivo. No entanto, nos últimos 50 anos o preservativo não sofreu qualquer alteração, por isso a Fundação Bill & Melinda Gates está a oferecer 100 mil dólares a quem inventar o preservativo do futuro.

O objetivo deste prémio, que será atribuído pelo Grand Challenges in Global Health Program, é inovar e impulsionar a utilização deste tipo de proteção, utilizando a ciência e a tecnologia ao serviço da saúde e da prevenção de doenças sexualmente transmissíveis.

Este concurso está aberto a qualquer um e as propostas têm de mostrar um novo conceito de preservativo, seja a nível das embalagens ou do próprio design.

Juliana Melim

Para ter sempre à mão

Chama-se Keep e, é a mais recente aplicação da Google que vem concorrer com o já conhecido Evernote. Esta é uma aplicação para web e para Android que funciona como um serviço de anotações pessoais, que inclui imagens e vídeo.

As notas criadas no computador podem ser facilmente sincronizadas com as do smartphone, de modo a manter a informação sempre organizada e acessível. Para aceder à aplicação, clique aqui.

Vídeo de como funciona o Google Keep:

Juliana Melim

ColorADD – Uma aplicação a pensar nos Daltónicos

Em todo o mundo existem cerca de 350 milhões de individuos com a incapacidade de diferenciar todas ou algumas cores. A esta perturbação de origem genética chamamos de Daltonismo.

Para colmatar este problema, o designer Rui Cardoso, o mobile developer Rui Seiça e a web designer Marta Lisboa criaram uma inovadora aplicação chamada ColorADD que consegue identificar o nome da cor e o símbolo respetivo apontando a câmara do telemóvel para um qualquer objeto ou superfície.

A aplicação custa apenas 0.89€ e, por enquanto está apenas disponível para iPhone e iPad, sendo que as versões para Windows e Android já estão a ser preparadas.

O ColorADD já conta com grandes parcerias no mercado português, entre elas a Modalfa; Ministério da Educação – os exames nacionais e as provas finais deste ano já vão incluir nos enunciadoso código para a aplicação; Tintas Cin; Metro do Porto e o Hospital de São João são alguns dos interessados nesta aplicação que poderá solucionar alguns dos problemas dos daltónicos.

Juliana Melim

Marcas de Confiança 2013

Já foi divulgada a lista dos vencedores das Marcas de Confiança 2013. E, entre as muitas surpresas existem três novas categorias. Acabámos de atualizar o site com os vencedores. Está à espera de quê para ir espreitar?

Google Reader já tem substituto

Após a Google ter anunciado, na passada semana, que irá descontinuar alguns serviços, entre eles o Google Reader, no dia 1 de julho, os utilizadores decidiram não esperar pelo seu fim e começaram a subscrever um dos concorrentes, o Feedly que dias após o anuncio da Google publicou um post no seu blog oficial a anunciar 500 mil novas subscrições.

O Feedly é um site que permite aos utilizadores organizar, partilhar e ler os seus conteúdos favoritos. A plataforma está disponível para versão tablet e mobile.

Se estiver interessado em mudar para o Feedly basta entrar com a sua conta do Google Reader e a sincronização de conteúdos e informações é feita automaticamente.

Juliana Melim

Óculos graduados do futuro

A Google confirmou esta semana que o Google Glasses estará adaptado a quem tem dificuldades de visão. A notícia foi divulgada pela equipa que está a desenvolver o Google Glasses na página do Google + e pôs fim à especulação que já há alguns meses pairava sobre a Google.
No entanto, os óculos não vão ser lançados juntamente com a primeira vaga de encomendas, uma vez que esta já se encontra fechada, mas espera-se que até ao fim do ano estes já estejam disponíveis para venda.

Juliana Melim

Cemitério virtual – uma nova maneira de dizer adeus

Por estar longe de casa, não pôde deslocar-se ao funeral de um parente? A partir de agora a distância não é desculpa para não prestar uma última homenagem a um ente falecido. A solução é apresentada pelo Cemitérios Online, um serviço criado há seis anos por uma empresa nacional que permite fazer um tributo à distância através de upload de fotos, vídeos e texto e ainda encomendar flores, velas ou figuras de cera. Tudo através de um simples click.

Qualquer um pode deixar as suas condolências em forma de mensagem no site, no entanto para salvaguardar a privacidade das famílias, foi atribuido a estas uma palavra-chave que lhes permite publicar fotos, vídeos e textos.

Trinta e cinco freguesias já aderiram a este novo conceito de cemitério, que pretende colmatar a distância e oferecer algum reconforto áqueles que, por algum motivo, não poderam comparecer ao funeral.

No site dos Cemitérios Online encontrará um formulário de participação de falecimentos, o nome de todas as pessoas que estão sepultadas e as datas do respetivo falecimento, dados estatísticos, notícias de necrologia, minutas de requerimentos e ainda serviços de florista.

Os responsáveis por este serviço inovador antevêem um grande crescimento, neste setor, no futuro, sendo que já em Outubro o serviço irá alargar-se  à Alemanha, e países como o Brasil e a Espanha já estão a ser sondados. E, quem sabe se não serão os próximos!

Juliana Melim


mediadetails no Twitter

Páginas

Março 2013
S T Q Q S S D
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031