Arquivo de Junho, 2011

O 5º Poder

Hoje, mais do que nunca é impensável falarmos de sociedades contemporâneas, sem falarmos das redes sociais. Elas são um fenómeno de popularidade em todo o mundo e, pouco a pouco ajudaram a redefinir os novos parâmetros da nossa sociedade. Uma sociedade que está interligada e conectada com tudo e com todos através de uma rede que vai cada vez mais além. Milhares de pessoas usam diariamente as redes sociais, e quando falamos de redes sociais não falamos só de Facebook, mas também de Twitter, Buzz, Wave, Orkut, Myspace, Hi5, Wayn, Delicious, LinkedIn.

Estas redes são utilizadas para as mais diversas actividades: partilha de informação, vídeos, imagens, networking empresarial, procura de emprego e, também para relacionamentos pessoais. As redes sociais estão a revolucionar a maneira como pensamos e agimos. Meios de comunicação ou empresas que se prezem têm uma página nas principais redes sociais. E, a partir destas veicula-se as mais diferentes informações, partilhando com milhares, senão milhões de utilizadores.

As redes sociais assumiram a posição de contra-poder ou se preferirem 5º poder, tornando cada utilizador um agente activo na vida social e política de um país. As redes sociais são capazes de unir os cidadãos em prol de uma causa, e de os levar até às ruas da cidade, como aconteceu em Portugal com o movimento “Geração à rasca“, movimento criado no Facebook e que reuniu milhões de jovens e familiares numa manifestação, em Lisboa. Até a força política rendeu-se a estas plataformas, abandonando os meios de comunicação tradicionais. As redes sociais tornaram-se imprescindíveis. Mas, até quando elas persistiram?

Juliana Melim

E a Google insiste…

Já ditado diz que, “não há duas sem três”. Após o fracasso do Buzz e do Wave , a Google resolve arriscar novamente e apresenta o Google +.  A gigante tenta colocar-se assim, na linha da frente das redes sociais, tendo como ser principal rival, o Facebook. Apesar de a Google ter sido a impulsionadora das rede sociais, com o Orkut, depressa perdeu o seu lugar para o Facebook, a rede mais popular do momento, que já conta com mais de 750 milhões de utilizadores em todo o mundo.
A nova rede social – Google + permitirá a partilha de mensagens, fotografias e comentários, à semelhança do seu rival, mas tem com o principal objectivo ajudar os utilizadores a organizarem os seus contactos criando “círculos” de amigos específicos, onde a privacidade das conversas pode ser escolhido de uma forma mais intuitiva.

Juliana Melim

Google lança sistema de pesquisa por voz e imagem

A líder de motores de busca, Google, anunciou ontem, num evento em São Francisco, o lançamento do sistema de pesquisa por voz e imagem, esperado há muito por todos os seus utilizadores.  O sistema de pesquisa por voz estará preparado para reconhecer 230 milhões de palavras em inglês e será um exclusivo  do browser Chrome e da variante inglesa do Google. Para os utilizadores que pretendam testar esta nova funcionalidade, ela estará disponível num ícone com um microfone junto à caixa de pesquisa, de acordo com informações divulgadas no blogue oficial da empresa, Google Fellow. Mas, como nem todos gostam de comunicar através da voz, o sistema de pesquisa por imagens poderá ser a solução, com a sinalética de uma câmara na página images.google.com que vai permitir ao utilizador descarregar fotos e imagens que podem ser, posteriormente pesquisados e identificados pelo Google.

Juliana Melim

Nomes de domínios abertos à imaginação

A ICANN (Internet Corporation for Assigned Names and Numbers), entidade responsável pela gestão e atribuição de nomes de domínios, vai permitir a criação de novos sufixos de Internet, que permitirão que os endereços terminem com qualquer palavra, em qualquer língua.
O objectivo desta mudança, que é uma das maiores mudanças, nos últimos anos, dos endereços online, é abrir o “sistema de endereços da internet às possibilidades da imaginação humana”, afirmou o presidente e director-executivo do ICANN, Rod Beckstrom. No entanto, estes registos terão preços elevados, uma medida que visa evitar que os “Ciber-okupas” registem os domínios, com o objectivo posterior de os venderem às marcas.
O ICANN começará a aceitar candidaturas para nomes a partir de 12 de Janeiro de 2012 até Abril do mesmo ano.

Juliana Melim

Predadores online

Hoje, celebra-se o Dia Mundial da Criança. Este dia assinala o reconhecimento de que todas as crianças têm direitos e, que esses devem ser respeitados. Mas a verdade é que, todos os dias, esses mesmos direitos são violados. São inúmeros os perigos com que actualmente as crianças se deparam e eles surgem de todos os lados, principalmente da Internet. Foi a pensar nesta ameaça que as Selecções e as Selecciones do Reader’s Digest aliadas à Mediadetails inauguraram, ontem, o site Português  e Espanhol da ProtectChildrenonthenet.

Esta é uma campanha internacional, que conta com o apoio do Reader’s Digest e  que pretende através de conteúdos informativos e actualizados alertar e educar os pais e as crianças a lidarem com os problemas de segurança na Internet. O objectivo é fornecer conselhos importantes sobre o que os pais e a sociedade podem fazer para colocar um fim aos predadores sexuais online. Uma das soluções apresentadas para tornar mais segura a navegação dos jovens é a adesão ao chamado Botão de Segurança, já utilizado em alguns países, como a Inglaterra e a França. Este Botão de Segurança é um ícone no monitor que ao ser accionado pela criança, que se sente ameaçada, liga o utilizador à Polícia.

Os demais países da Europa precisam de um mecanismo assim, no entanto alguns governos continuam cépticos quanto à sua implementação. Por isso, a protectchildrenonthenet, juntamente com as Selecções e as Selecciones “apela aos cidadãos que pressionem os seus governos a tomarem decisões rápidas para proteger os jovens utilizadores da Internet”. Faça-se ouvir. Cabe a cada um de nós tornar o Mundo um lugar mais seguro para as crianças.

 

Para visitar a versão em português clique aqui
Para visitar a versão em espanhol clique aqui
 
Juliana Melim


mediadetails no Twitter

Páginas

Junho 2011
S T Q Q S S D
« Maio   Jul »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930